fraseado.xpg.uol.com.br

WebMedia XPG

GP 2017 - Brasil 3x1 Holanda


torcida bloqueio seleção brasileira feminina de vôlei

Se o desempenho do bloqueio brasileiro contra a Bélgica já tinha sido excelente, o que dizer deste contra a Holanda? Foram 20 pontos, o dobro dos pontos feitos pelas holandesas.

A relação saque e bloqueio tem ditado o ritmo do Brasil em quadra. Desta vez, não foi diferente, mas a seleção teve alguns pontos positivos a mais na comparação com as últimas atuações.

A defesa e o aproveitamento dos contra-ataques melhoraram. A postura brasileira, de modo geral, foi mais agressiva e impositiva o que, me parece, desnorteou um pouco as holandesas. 

************************************  

O ponto de desequilíbrio, para as duas equipes, foi o passe. A Holanda sofreu com o saque brasileiro durante quase toda a partida. Muitas vezes o problema até não esteve diretamente no passe, mas na pouca habilidade da Dijkema em trabalhar com a bola que vinha fora da sua posição. A levantadora “matou” suas atacantes com bolas baixas, o que ajudou bastante o bloqueio brasileiro.

Por outro lado, o Brasil também sentiu dificuldades na recepção no terceiro e no início do quarto set. Natália teve momentos ruins no fundamento, principalmente na posição em que a Rosamaria fica mais exposta, ao centro da linha de passe e ao lado da Natália. Não só para cobrir a Rosa como em outros posicionamentos, Natália e Suelen estão batendo um pouco a cabeça para se entender e saber quem deve ir na bola.

Foi esta queda no passe que tirou o Brasil do terceiro set e quase comprometeu o quarto. Se a Holanda não tivesse dado alguns presentes para a seleção, não sei se o Brasil teria encontrado uma brecha para reagir no set.

Mas o importante é que, no fim, reagiu, tendo até a própria Natália como personagem das viradas e contra-ataques fundamentais para a recuperação brasileira. Foi importante que tanto ela como a Rosamaria e a Tandara tenham respondido bem no ataque já que o jogo brasileiro esteve muito concentrado nas pontas. 

************************************ 

É bem provável que este cenário se repita contra os EUA, só que nossas atacantes das pontas deverão encontrar maior dificuldade em colocar bola no chão, pois as norte-americanas tem maior volume. 

A melhor resposta brasileira será, além de ter paciência na definição, também apresentar-se bem na defesa. A partida contra a Holanda e o dia de treino e estudo que haverá antes do confronto no domingo dão a esperança de que o Brasil pode realizar isto bem.

Falando em EUA, na outra partida do grupo, o time norte-americano venceu a Bélgica por 3x1.

************************************ 


Resultados da 1ª rodada do 3º turno do GP: 

Grupo G 
Sérvia 3x0 Rússia

China 3x1 Japão 

Grupo H

Itália 3x1 Turquia

Tailândia 2x3 Rep. Dominicana

 ************************************ 

Deem uma conferida nesta entrevista com a Thaisa, na ESPN:
Thaísa conta seu drama: ‘Ver minha perna definhando é assustador’

Publicidade

Fechar

CONTATO

Preencha o formulário abaixo

Fechar

Hospedagem HTML Grátis sem limite

Infelizmente este serviço foi descontinuado e não será possível criar um novo cadastro


Fechar

BLOG Grátis

Infelizmente este serviço foi descontinuado e não será possível criar um novo cadastro


Fechar

Esqueci minha senha

Crie já o seu cadastro

Fechar

ESQUECI MINHA SENHA

 

Se você esqueceu sua senha, digite seu login abaixo.

Se você esqueceu seu login, digite seu e-mail abaixo.