fraseado.xpg.uol.com.br

WebMedia XPG

A força das circuntâncias



Depois do título em Montreux, o Brasil se prepara para o Grand Prix, o anual torneio-maratona do vôlei feminino. Nesta terça-feira, recomeçaram os treinos da seleção.

seleção brasileira vôlei feminino Grand Prix
Como já publicado no site da FIVB semana passada, a lista de 19 jogadoras seleção brasileira não conta com Gabi e Juciely. 

Os planos do Zé Roberto para o GP não estão saindo muito dentro do previsto. Ele queria trabalhar com 16 jogadoras para o torneio, mas Leia pediu dispensa e Gabi e Jucy estão sem condições físicas. Restaram 14, nas quais se incluem o grupo campeão do Montreux, os reforços de Monique e Macris, além do retorno da Bia.

Nenhuma das demais inscritas para o GP (Paula Borgo, Val, Juma e Saraelen) foi chamada para treinar com o grupo. 

********************************* 

Apesar de, obviamente, não comemorar os problemas físicos da Gabi e da Jucy, estou achando ótimo estes e outros casos que estão obrigando o Zé Roberto a sair da rotina. Porque não sei o quanto o treinador estaria disposto a trazer novos nomes à seleção se não fossem os pedidos de dispensa e as limitações físicas.

É verdade que, mesmo neste cenário que o empurra para uma renovação, ele ainda consegue ser um tanto conservador - vide a questão das opostas. Mas as circunstâncias não deixaram alternativas ao treinador a não ser apostar em algumas caras novas para o grupo. 



********************************
 
Por mais que Gabi e Jucy não tenham sido titulares nos últimos anos, não é nelas que reside a minha curiosidade em ver defendendo a seleção no GP, acho que já sabemos o que elas podem acrescentar. 

Pode-se dizer que é uma oportunidade que se perde em tê-las como protagonistas do time brasileiro, mas oportunidade maior perdida será se não se colocarmos as novatas para jogar. O GP tem rodadas a rodo para fazer testes. 

Mas sei que é pedir demais do Zé, já estou convencida que a minha curiosidade em ver Macris, Gabiru, Bia, Edinara e etc em quadra não será totalmente saciada. 


********************************

+GP

- Os EUA irão para o GP com uma proposta semelhante ao Brasil, mas mais radical. Lloyd, Gibbmeyer, Dixon e Murphy formam a base para a maioria das novatas.

- A Sérvia, por sua vez, inscreveu sua força máxima. A dúvida é saber se o Terzic irá usar Mihajlovic, Rasic e Boskovic (que se recupera de uma lesão) em todas as rodadas. Pelo que conhecemos do treinador, não. Mas não se pode esquecer que o GP serve como preparação para o Europeu.

- A Rússia resolveu poupar suas duas maiores estrelas: Kosheleva e Goncharova não participam do GP. Em compensação, caras conhecidas como a de Shcherban, Zaryazhko e Startseva estão na lista russa.

- A China é que surpreende ao levar para o GP todo o time titular campeão olímpico. Não porque o time seja velho e precise de renovação, muito pelo contrário. É que a seleção costuma não dar bola para o torneio e, com o ritmo acelerado de renovação que tem, não seria nada anormal ver um grupo totalmente novo. De qualquer forma, muitas novatas vistas no Montreux vão estar disponíveis para o GP, caso da central Gao, da levantadora Diao e da ponteira Qian. 



Publicidade

Fechar

CONTATO

Preencha o formulário abaixo

Fechar

Hospedagem HTML Grátis sem limite

Infelizmente este serviço foi descontinuado e não será possível criar um novo cadastro


Fechar

BLOG Grátis

Infelizmente este serviço foi descontinuado e não será possível criar um novo cadastro


Fechar

Esqueci minha senha

Crie já o seu cadastro

Fechar

ESQUECI MINHA SENHA

 

Se você esqueceu sua senha, digite seu login abaixo.

Se você esqueceu seu login, digite seu e-mail abaixo.